Revista da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo

Online first

Revista Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo - Online first: 2020-03-23
Original article

Contribution for Validation of a Questionnaire about Carbohydrate Count and Insulin Dosage in Youth with Type 1 Diabetes Intensive Insulin Therapy

Mendes I, Carvalho R, Pereira B, Mendes A, César R

Abstract

Aim: In the absence of an instrument in Portugal that tests the knowledge about carbohydrate count and insulin dosage, the present study aimed at the translation, cross-cultural adaptation and validation of the PedCarbQuiz questionnaire. Materials and methods: Since PedCarbQuiz is an instrument developed and validated for the young American population, it was translated and adapted into the Portuguese language and culture. Subsequently, this version was applied to 65 caregivers of children and adolescents with type 1 diabetes mellitus who attended to a nutrition appointment. The response rate obtained was 76.9%. Results: The mean PedCarbQuiz final score was 81.5 ± 10.2% (50.6-96.8%). Cronbach α was 0.80 and the correlation of split halves was positive and statistically significant (ρ<0.001), which confirms the validation and reliability of the portuguese version. It was also verified that male patients had lower final scores than female patients (ρ=0.057). Conclusions: Despite the constraints related to the Portuguese population representativity, this version of the PedCarbQuiz was statistically validated, and it may be considered a useful tool in monitoring and optimizing key competences related to carbohydrate count for the treatment of type 1 diabetes mellitus.

Portuguese abstract

Objetivo: Não existindo em Portugal nenhum instrumento que teste os conhecimentos sobre contagem de hidratos de carbono e dosagem de insulina, o presente estudo teve como objetivo a tradução, adaptação transcultural e validação do questionário PedCarbQuiz. Material e métodos: Sendo o PedCarbQuiz um instrumento desenvolvido e validado para a população jovem norte-americana, efetuou-se a sua tradução e adaptação para a língua e cultura portuguesa. Posteriormente, esta versão foi entregue a 65 encarregados de educação de crianças e jovens com diabetes tipo 1 que compareceram à consulta de nutrição, tendo-se obtido uma taxa de resposta de 76,9%. Resultados: A pontuação média obtida no PedCarbQuiz foi de 81,5 ± 10,2% (50,6-96,8%). O valor de Cronbach α foi de 0,80 e a correlação entre as duas metades do questionário foi positiva e estatisticamente significativa (ρ<0,001), o que confirma a validade e fiabilidade desta nova versão. Verificou-se ainda que crianças ou jovens do sexo feminino obtiveram pontuação no PCQ superior às do sexo masculino (ρ=0,057). Conclusões: Apesar dos constrangimentos relacionados com a representatividade da população portuguesa, esta versão do PedCarbQuiz verificou-se estatisticamente validada, podendo considerar-se uma ferramenta útil para a monitorização e otimização das competências fundamentais para a contagem de HC na terapêutica da diabetes mellitus tipo 1.