Revista da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo

Online first

Revista Portuguesa de Endocrinologia, Diabetes e Metabolismo - Online first: 2021-04-07
Clinical case

Precocious menarche - Functional ovarian cystadenoma?

Oliveira DR, Maximiano C, Espada F, Récaman M, Gomes MM, Marques O, Antunes A

Abstract

Background: Precocious menarche is rare and should be investigated when not consistent with pubertal development. Case: Seven-years-old girl with painful bilateral breast button and menarche. Analytically with slightly elevated estradiol, normal endocrinological study and negative tumor markers. Ultrasound showed a large right ovary cystic lesion compatible with an ovarian cystadenoma. Magnetic resonance imaging showed an enlarged right ovary with a medullary cystic lesion and parenchymal preservation, suggestive of an ovarian cystadenoma. Multidisciplinary follow-up showed breast reduction, absence of vaginal hemorrhages or other signs of puberty. One year later, ultrasound showed spontaneous resolution of the ovarian cystadenoma. Summary and Conclusion: This case describes a large functional cystadenoma with spontaneous resolution. Non-invasive approach may be safe but clinical close surveillance is imperative.

Portuguese abstract

Introdução: A menarca precoce é uma condição rara que deve ser investigada quando ocorre em não consonância com o desenvolvimento pubertário. Caso Clínico: Menina de 7 anos com botão mamário doloroso bilateral e menarca. Analiticamente com estradiol ligeiramente elevado, estudo endocrinológico normal e marcadores tumorais negativos. Ecografia apresentou lesão cística de grandes dimensões do ovário direito compatível com cistoadenoma do ovário. Ressonância magnética revelou ovário direito aumentado com lesão medular cística e preservação do parênquima, sugestiva de cistoadenoma do ovário. Seguimento multidisciplinar com redução do tamanho da mama, ausência de hemorragia vaginal ou outros sinais de puberdade. Repetiu ecografia um ano depois onde se constatou resolução espontânea do cistoadenoma do ovário. Discussão/Conclusão: Este caso descreve um cistoadenoma funcionante do ovário de grandes dimensões com resolução espontânea. A abordagem não invasiva pode ser segura, mas é necessário a vigilância apertada.